Comprar um apartamento, na maioria das vezes, requer um financiamento para facilitar o pagamento por meio de parcelas. Existem diversas formas de pagar o financiamento, dentre elas o famoso consórcio imobiliário, em que um grupo de pessoas se une durante o pagamento das prestações às instituições financeiras e construtoras.

As cartas de crédito estão cada vez mais ganhando a preferência dos compradores durante o processo de aquisição de um imóvel. Confira, neste post do Meu Imóvel, porque fazer um consórcio imobiliário vale a pena, seu modo de financiamento, vantagens e os principais cuidados ao solicitá-lo!

Como funciona o consórcio de imóveis?

Os consórcios são formados por um grupo de pessoas interessadas em adquirir um apartamento e precisam levantar fundos para alcançar esse objetivo. Mensalmente, são realizados sorteios em que um participante ganha a carta contemplada com o recurso monetário essencial para dar entrada ou pagar um financiamento.

Geralmente, o consórcio funciona por meio da emissão de cotas, compradas por grupos de pessoas interessadas em apartamentos novos. Para participar, os membros precisam pagar prestações mensais sem juros — calculadas de acordo com o valor da carta de crédito a ser emitida — juntamente com a taxa de administração e fundo de reserva.

Se os pagamentos estiverem em dia, as pessoas concorrem a sorteios, cujo número de vencedores e contemplados varia de acordo com a quantidade de membros de cada grupo e da instituição responsável pelo consórcio. Caso queira saber qual o melhor consórcio de imóveis do mercado, fique ligado na taxa de juros por parcela cobrada por cada um.

Diferença de juros e prestações

Assim como no financiamento, o consórcio vale a pena porque não possui taxa de juros. Contudo uma pequena tarifa paga à administradora pode surgir no meio do processo, fazendo suas parcelas sofrerem uma alteração de valor anualmente.

Cabe lembrar que, caso haja atrasos no pagamento das prestações, uma multa será aplicada juntamente com os juros correntes até o valor total ser quitado. Ainda, se alguém sorteado deixar de pagá-las, o credor pode entrar com um processo e, em algumas situações, apreender o imóvel em questão.

Vantagens de fazer um consórcio imobiliário

Um consórcio imobiliário vale a pena principalmente porque existem diversas vantagens em relação ao financiamento tradicional. Confira:

  • consórcios não têm os juros presentes nos financiamentos;
  • são mais flexíveis, facilitando a vida de quem não tem como comprovar renda fixa;
  • não precisa ser intermediado por um analista;
  • permite o uso do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) para quitar a dívida ou cobrir parte do valor da carta de crédito,
  • maior garantia e segurança, por meio da fiscalização feita pelo Banco Central do Brasil.

Como funcionam os sorteios e lances?

Mesmo sendo a principal maneira de ganhar, os sorteios não são a única forma de contemplação dos consórcios. Você pode optar pela chamada oferta de lances, ou seja, um adiantamento do restante do valor total a ser pago. Esse método é dividido em três tipos: lance fixo, lance livre e lance embutido. Conheça cada um!

Lance fixo

O lance fixo é aquele em que o consorciado contribui todo mês com uma porcentagem pré-determinada — geralmente 25 ou 50% acima do valor parcelado —, de acordo com cada grupo de pessoas.

Aqui, você pode utilizar até 25% da carta de crédito para completar o lance, sendo que, caso haja dois iguais, o desempate ocorre por meio de um sorteio com bolinhas.

Lance livre

No lance livre, o percentual investido não tem limite, possibilitando às pessoas que darem o maior valor, sejam campeãs.

O diferencial desse modelo é sua fórmula de cálculo, baseada sempre nos valores de crédito e saldo existentes em cada grupo de pessoas. Aqui, o desempate também ocorre por meio de um sorteio com bolinhas.

Lance embutido

Neste último, o lance pode ser dado sem a necessidade de ter o dinheiro disponível na conta bancária, fazendo a pessoa utilizar parte da futura carta de crédito como oferta. Entretanto, ao tê-la em mãos, o valor da mesma será menor, pois parte já fora usado durante o concurso.

Além disso, pode ser associado aos demais tipos de lances, desde que seja usado para completar o valor em dinheiro já existente da oferta tradicional com todos os cuidados necessários.

Cuidados ao fazer consórcios imobiliários

Ao participar de consórcios imobiliários, alguns cuidados precisam ser tomados para nada sair errado e você ter certeza de que está fazendo um bom negócio. Confira algumas dicas sobre como aproveitá-los corretamente:

  • pesquise se a administradora está registrada formalmente no Banco Central;
  • atente-se às condições pré-estabelecidas por cada uma e veja se estão de acordo com seu perfil;
  • verifique o valor do crédito, as taxas a serem cobradas, o prazo de pagamento e as formas de contemplação,
  • após a contemplação, continue pagando o valor das parcelas normalmente.

Viu só porque consórcio imobiliário vale a pena para quem deseja comprar um apartamento? Então, antes de dar entrada em um, acesse o site do Meu Imóvel e confira nossas opções!

Copyright © 2017 blog.appmeuimovel.com é uma iniciativa do appmeuimovel.com